Ato revolucionário nº37

Essa acho que é de 2005. Nossa, faz tempo! Cara, eu não era ruim. Mas acabei ficando com o tempo. Acho que meu erro pode estar na pretensão em fazer algo sério para o formato livro. Em vez disso poderia ter continuado apenas com meus projetos de tirinhas cômico-seriadas. Acho que é isso que vou fazer!

Roteiros

É fato que sempre fiz histórias usando mais a intuição que a técnica. Mas acho que conhecer como os profissionais trabalham é, no mínimo, inspirador! Pra quem também quer se aventurar, recomendo três sites:  Dicas de Roteiros (o blog da Valeria Olivetti traz 1 dica por dia, às vezes ótimos textos dela, às vezes traduções de outros autores), Roteiro de Cinema e o site pessoal do Massarani.

Tirinhas, lançamentos em SP

O fodástico Lobo dá início a sua editora com o lançamento de trabalhos de algumas feras, dentre eles o Ota (sim, o cara que editou a Mad por trocentos anos) e o Arnaldo Branco (da ótima tirinha Mundinho Animal e do memorável Capital Presença). O convite do lançamento está aqui. Vou tentar ir!