Bugs

Quase perdi o site todo. Fiz uma atualização que deu algum conflito com o wordpress. Salvei os dados, posts e imagens, mas foi-se o layout.  Por hora vai ficar tosquinho mesmo. Mas até que foi uma boa boa oportunidade para sair da zona de conforto e dar uma boa mudada em tudo.

Lento, mas limpinho

Está demorando encaixar a rotina de trabalho diário com a produção dos quadrinhos. Mas, por outro lado, as ideias estão fluindo e os projetos tomando forma. Duas histórias curtas estão sendo gestadas. Uma já tem forma a outra está se formando. Penso em produzi-las para o formato impresso. Se surgir alguma revista interessada, legal. Caso contrário, quero juntar meia dúzia para fazer uma revista para o próximo ano. Estou animado.

Fazendo do seu jeito

Não que eu tenha variado muito meu traço nos últimos 10 anos, mas acho que a frase negra de não saber bem o que fazer, de começar projetos megalomaníacos e não conseguir terminar parece que está passando. O importante nem sempre é ser virtuoso nos desenhos ou nos textos. O arroz com feijão em alguns fundamentos pode ser mais que o suficiente para você executar seus projetos (os Ramones que o diga). A técnica também vai evoluindo junto com seus feitos de forma natural. O seu jeito pode ser o melhor jeito de se fazer algo. Basta por a prova para ver se funciona. E mudar o curso se preciso.

Retirando da gaveta

Estou participando do desafio convidado pelo grande Cesar Filho, postando durante cinco dias três desenhos diferentes por dia no Facebook. Posto-os aqui também: desenhos de 2000 a 2002, época em que meu traço era bastante influenciado pelos quadrinhos japoneses. As cores nunca foram meu forte, nesse período o grande Rafael Fernandes Pereira que pilotava o photoshop por mim.

Crise hídrica

Vai faltar água! Vai faltar luz! O caos está próximo! Fuja para as montanhas… Mas não se esqueça que em abril Kiss, Judas Priest, Ozzy e Unisonic tocarão em São Paulo.

Carter

Nesse canto do universo está fazendo um calor infernal. Bom motivo para retomar alguns personagens e ideias que ficaram na geladeira.

Arrumando a casa

Resolvi mais um pequeno bug do site: as imagens dos posts antigos estavam com o link quebrado. Há ainda alguns problemas na parte interna do site, mas nada que atrapalhe muito as atualizações. Meu objetivo agora é organizar e ir postando as tiras antigas aos poucos. Logo também devo começar a postar material novo. Claro, se eu sobreviver a esse calor infernal.

Calor?

1. O recorte é de uma história curta que finalizei. Há a possibilidade de ser publicada em uma revista, por isso não vou postar ela inteira. 2. Nessa semana consegui finalmente mudar o site de servidor. Há alguns bugs, mas vou arrumando aos poucos. 3. Gostei da tipografia que usei nessa historinha (a mesma da ultima tira), pretendo usá-la mais. 4. Ano novo! Para sair da inércia, a meta é fazer ao menos uma tira por semana. Não sei, mas algo me diz que isso tem grandes chances de não dar certo.

Sites, servidores e webcomic

Está para vencer mais uma anuidade do serviço de hospedagem do site. Estou planejando mudar de servidor, ir para um mais barato e com mais funcionalidades. Juntando-se a isso as ultimas ideias que tenho tido, acho que vou acabar criando subdomínios para cada webcomic, como por exemplo seria “norapipe.inteligivel.com”. Dessa forma cada historinha teria um espaço seu com um design próprio para a história. Mais ou menos independente. É algo que tenho que pensar mais. Mas tenho gostado da ideia. Outra ideia é transferir a função blog do site para o Tumblr. Tenho que estudar essas opções um pouco mais. Talvez o melhor a fazer é não fazer nada e desenhar mais. Sim essa opção é melhor.