Go!

Semana produtiva. Pensei inicialmente em fazer uma história de improviso, sem roteiro, desenhando direto, com arte-final e tudo. A primeira página ficou horrível. Desisti da idéia e fui para meu caderninho treinar cenários. Desenhei alguns personagens também. Apareceu um monstro também. E a cada novo desenho uma idéia foi surgindo. Logo o enredo tomou uma forma. Gostei do método: é muito melhor trabalhar com texto e imagem juntos. Acho que sou muito visual. Preciso de imagens para que meus neurônios façam sinapses. Ainda preciso fazer os thumbs da história e melhorar algumas partes do texto. Depois é partir para o desenho das paginas mesmo (o que deve ficar para o final de dezembro, porque ficarei longe da cintiq alguma semanas). A meta é fazer mais um roteiro nesse meio tempo, o segundo capítulo da história que será episódica. Dois mil e doze promete!

Stop e play: novos rumos

Vou dar um stop definitivo nas tiras. Acho que tenho desenhado tiras de humor não por gosto (e não com o devido empenho e dedicação), mas sim porque é algo que bem ou mal consigo fazer. Uma espécie de fulga, como aquele jogador que gostaria de ser atacante, mas se contenta em ser zagueiro porque aparentemente seria mais fácil. Sei que foram frustradas as minhas tentativas anteriores de fazer histórias maiores. Sei que não é um caminho rápido, fácil ou mais recompensador. Eu sei. Mas acho que o que realmente quero é colocar algumas idéias de histórias no papel, fagulhas que tenho há anos, mas que não cabem em três quadrinhos com uma punchline ao fim. Essas histórias demandam um esforço tremendo. Mas acho que será uma luta melhor se eu enfrentar essas dificuldades que passar meus anos fugindo. Existem cursos, tutoriais e papel para rascunho eu consigo de graça no meu trabalho. Basta insistir, ter cabeça dura e focar naquilo que dá um frio bom na espinha. Play!

Ainda vivo

Nessas duas semanas que passaram estudei um pouco sobre construção de personagens. Li o bom livro da Linda Seger e esbocei um bocado de idéias. Quero continuar trabalhando essa história maior. Mas ao mesmo tempo não quero deixar de lado as tiras. Logo as tiras voltam. Estou com um lote bom de esboços prontos. Agora é só sentar para desenhá-las. Então, até breve!

Working

Os personagens estão esboçados (características, passado, presente, defeitos, sonhos etc.). Falta fazer alguns testes de personalidade com eles (acho que vou comprar uma dessas revistinhas de horóscopo para isso), mas no geral o trabalho está adiantado. A estrutura da história também está bem definida. Falta detalhar mais o inimigo do primeiro arco, fazer algumas pesquisas para embasar algumas idéias para depois escrever tudo. Na verdade tenho pensado em não escrever um roteiro formal, quero escrever em forma de rascunho das páginas, acho que minha mente funcionoa melhor dessa maneira. Vai demorar, vai dar trabalho, mas vai ser divertido. =)